Em matéria divulgada em jornal da globo news, Zeca Camargo divulga  em crônica polêmica a sua estranheza com relação a comoção nacional gerada pela morte do cantor sertanejo Cristiano Araújo.

O jornalista Zeca Camargo, ex-apresentador do Fantástico e ex-apresentador do Vídeo Show, agora distante da programação do canal aberto da Globo, se mostrou surpreso com a comoção gerada com a morte, o velório e o enterro, do segundo ele: “desconhecido”, Cristiano Araújo.

Na crônica, o jornalista faz uma matéria, surpreso destacando o fato do cantor ser tão amado!. Vale salientar que o cantor esteve em sua melhor fase artística, tendo suas músicas cantadas nas rádios em todo o país e já começava e trilhar uma carreira internacional. Vale lembrar que os diversos canais de televisão  também divulgavam a sua carreira e a sua música, incluindo a  TV GLOBO, que mesmo após a morte trágica do cantor, destaque no sertanejo universitário, que mistura o sertanejo tradicional com forró e arrocha, continua a divulgar o CD e DVD de Cristiano Araújo, o qual diga-se de passagem que mesmo antes de sua morte o cantor já aparecia mais na globo do que o “repórter-apresentador da casa”.

Veja abaixo a reportagem assinada e narrada por Zeca Camargo:

Ao iniciar o texto há uma grande contradição, como pode alguém ser ao mesmo tempo tão famoso e tão desconhecido????!!!! Talvez ele não esteja ultimamente assinto tv ou ouvindo rádio, pelo menos não os canais abertos, já que a matéria foi veiculada em canal fechado, onde ele afirma a existência da atual pobreza cultural brasileira, onde ele faz um paralelo com mortes e velórios de outros ídolos nacionais e internacionais.

No final da matéria ele afirma que não precisa ser assim: ” temos tudo para adorar ídolos de verdade e para chorar de verdade, seja pela presença deles no palco ou na saudade da perda”. Deixando a entender talvez, que o choro dos fãs mais enérgicos ou de tantas outras pessoas se entristeceram com a trágica morte do cantor Cristiano Araújo não tenham sido de verdade, ou que pessoas que viajaram grandes distâncias para participar do velório do cantor ou mesmo as que tenham ficado de frente a tv ou no quarto chorando, não tenha sido de verdade, o que eu entendo como um desrespeito ao sentimento dos fãs, pois se Zeca Camargo não ouvia as musicas do Cristiano ou de qualquer outro artista não dá a ele o direito de desrespeitar a dor dos fãs, da família ou mesmo de tantos outros cantores que mesmo após a morte trágica de um dos principais nomes do sertanejo atual ainda assim, se espelham no trabalho deste grande nome, que se foi tão cedo.

Com a repercussão negativa do seu texto, vinda através das redes sociais, Zeca tenta diminuir a má impressão que causou, vindo a público na tv aberta “talvez” pedir desculpas a quem “talvez” tenha entendido mal o texto feito e narrado por ele.

A reação popular não  tardou a vir, muitos artistas de diversas áreas, sobretudo cantores sertanejos, se juntaram a populares nas redes socais mostrando indignação  com as palavras e o tom de voz utilizados por Zeca Camargo na matéria assinada por ele, muitos dos que se manisfestaram a respeito do texto de Zeca Camargo utilizaram a restag: #QuemÉZeCacamargo.

Na página de Henrique e Juliano, a resposta foi mais forte, veja abaixo:

Veja abaixo a tentativa de desculpas de Zeca Camargo, onde o mesmo comete a garfe trocar o nome de Cristino Araújo (cantor) pelo nome de Cristiano Ronaldo (jogador de futebol) que permanece vivo e jogando muito bem:

De qualquer forma, a cada um cabe a liberdade de expressão, independente de Zeca Camargo está correto ou não em sua crônica sobre trágica morte do na minha humilde opinião: Grande Cantor Cristiano Araújo.

Para mais informações ou para dizer a sua opinião, deixe abaixo o seu  comentário.

Vídeos: youtube

fotos: reprodução da internet

Anúncios