Desembargador anuncia edital de concurso para Juiz

Desembargador anuncia edital de concurso para Juiz

O desembargador e presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, Marcos Cavalcanti de Albuquerque revelou nesta sexta-feira (27) que apesar do arrocho no orçamento da Justiça, será divulgado, nos próximos dias, um edital de concurso para 15 vagas de juiz de direito. O deficit, segundo o presidente, é de 60 vagas, mas diante das dificuldades financeiras do Estado que afetou o orçamento, as 15 vagas abertas vão ser de grande ajuda para o Estado.

“Tecnicamente temos 60 vagas onde não há juizes nas comarcas. No entanto, os mais próximos vão lá e conseguem cobrir aquela falta. São muitas metas a serem cumpridas e apesar das dificuldades a “engenharia da criativiade” faz com que a população seja atendida. Mas o sacrifício é grande. O edital só vai ter 15 vagas, mas se o orçamento permitir chamaremos mais”, explicou Marcos Cavalcanti.

O presidente do Tribunal de Justiça informou ainda que várias parcerias estão sendo firmadas com instituições de ensino para que a população seja assistida pela Justiça e que haja mais celeridade nos processos levando a paz para a sociedade, que segundo ele, é a missão da Justiça.

“Com o arrocho financeiro estamos administrando normalmente, fazendo os investimentos que o orçamento nos permite, mas temos utilizado muita criatividade para servir a população da melhor forma. Várias parcerias com instituições de ensino de direito tem nos auxiliado muito a um custo baixo ou zero. Isso agiliza a justiça e aprimora o serviço prestado à sociedade. Vamos tentar implantar uma resolução que está dando muito certo na qual não temos custos, é o Voluntário da Justiça que acompanha o juiz, o auxilia de forma voluntária, seu pagamento é o aprendizado e facilita o trabalho do jurista que precisaria de mais servidores a disposição, mas não temos orçamento para concurso de servidores então esta seria uma ação que nos ajudaria a prestar um serviço ainda melhor para a sociedade. Nossa missão é levar a paz e estamos fazendo isso, na medida do possível”, justificou o presidente.

Vanessa de Melo

PB Agora

Anúncios