Morte de vereador altera quadros na câmara de vereadores de Soledade-PB

MUDANÇAS

A partir do advento da morte do vereador Lourival Delfino (Louro), ex–presidente da câmara de vereadores e ex-prefeito interino de Soledade (PTB), que faleceu aos 67 anos na tarde desta terça-feira, 17 de fevereiro, muda-se algumas composições na câmara de vereadores de Soledade, a partir do ingresso do primeiro suplente, Hélio de Marcilio (PTB), que obteve 219 votos nas eleições de 2012.

Hélio é filho do ex-vereador e ex-presidente da câmara, Marcílio Marinheiro e já exerceu o por cerca de um ano o cargo de secretário de obras e serviços urbanos de Soledade.
Com esta mudança repentina, o radialista Júlio Cezar Garcia (PP) que havia obtido 197 votos, sobe a primeira suplência e o comandante da guarda municipal Hilário Martins (PMDB) que havia recebido 182 votos, ascende a segunda suplência do mandato vigente (2013 – 2016).
Os três políticos concorreram vagas à câmara de vereadores de Soledade pela Coligação pra Soledade Continuar Crescendo II que era composta pelos partidos (PP / PTB / PMDB). Foram eleitos, a vereadora Marina do PMDB e Louro do PTB, com 273 e 258 votos, respectivamente.
A composição da mesa diretora da casa Conselheiro Osório da Nóbrega em Soledade também será alterada, uma vez que o vereador Lourival Delfino da Cunha era o 1º secretário da mesa.
 .
 .
Da Redação do Soledade Notícias
Anúncios