Vereadora de Ponta Grossa, Professora Ana Maria, continua sequestrada

Vereadora Professora Ana Maria no seu juramento da posse ocorrida no dia 1º. Foto de Luciano Mendes / especial para a Gazeta do Povo

Vereadora Professora Ana Maria no seu juramento da posse ocorrida no dia 1º. Foto de Luciano Mendes / especial para a Gazeta do Povo

A vereadora de Ponta Grossa/PR, Ana Maria Branco de Holleben (PT), continua sequestrada. Ana Maria, que é a melhor vereadora da cidade, foi raptada por homens armados, que renderam a vereadora e seguiram em um carro Gol branco.

A vereadora foi reeleita nas eleições de 2012 para o terceiro mandato. Hoje ela tomou posse e deveria ter ido para a Câmara Municipal para participar da eleição da Mesa Diretora, mas não apareceu. O carro da vereadora foi encontrado abandonado e com os pneus furados. O caso está com o Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Grupo Tigre), da Polícia Civil, especializado em resgate de reféns e negociação.

10274_388961251175176_703129384_nO motorista e assessor da vereadora, Idalécio Gouveia, que estava com ela no automóvel, foi rendido e agredido, e a ele foi dito “não precisa fazer nada, daqui há pouco será resolvido”. Suspeita-se que o sequestro ocorreu por motivo político. A eleição na Câmara para a presidência estava bem concorrida. Mais tarde os familiares de Ana Maria receberam uma ligação de um número desconhecido e ela disse que estava bem e não deu detalhes sobre sua localização.

Ana Maria é mãe da advogada Flávia Eliza Holleben Piana e prima do ex-prefeito de Ponta Grossa e deputado estadual pelo PT, Péricles de Holleben Mello. Ela tem uma importante atuação na área cultural.

O caso tem repercussão nacional, no Jornal da Globo, além do noticiário local naRPC/Ponta Grossa.

Todo o apoio do Blog do Tarso para a família e amigos da vereadora.

Captura de Tela 2013-01-02 às 02.50.15

FONTE: BLOG DO TARSO

Anúncios