NOVA FLORESTA-PB, NA SECA AGRICULTOR DESCOBRE FORMA DE GANHAR DINHEIRO

 

A seca que os nordestinos têm enfrentado já é considerada a maior das últimas quatro décadas, animais morrem e o homem do campo já tem dificuldade de encontrar água para o próprio consumo. Porém, diante dessa estiagem há quem encontre alternativas para ganhar dinheiro e enfrentar esse fenômeno.
Em Nova Floresta, um agricultor há dois anos transformou o quintal da sua casa em um canteiro de hortaliças com mais de 15 culturas em uma área de pouco mais de 100 metros quadrados.
Em entrevista a 89 FM, o senhor Marcílio Santos  disse que ainda consegue lucrar mais com a sua produção porque ele mesmo é quem comercializa as hortaliças nas feiras da região, garantido assim independência financeira e o sustento da família.
 
Segundo o produtor, o agrotóxico é uma coisa que não existe na sua horta, “Para combater as pragas uso a pulverização orgânica com folhas de árvores (…), agrotóxico aqui é zero”, pontuou o agricultor.

Ainda de acordo com o produtor a aceitação dos produtos sem agrotóxico é muito boa, “Com alimentos livres de agrotóxicos, tanto a aceitação  como o lucro do produto é bem maior”, afirmou.

Para irrigar sua plantação Marcílio usa uma técnica pouco conhecida, com cotonetes ele  criou uma técnica de microasperção ecologicamente correta, o que também evita o uso desordenado da água.

A água usada na horta vem de um poço que o próprio agricultor cavou à mão com a ajuda de um amigo, o poço tem uma grande vazão, o suficiente para irrigar toda a área duas vezes por dia.
Um exemplo de empreendedorismo com responsabilidade e ecologicamente correto diante da grande seca que assola o nordeste.
Flávio Fernandes
FONTE: PORTAL DO CURIMATAÚ
Anúncios