COMPANHIA AÉREA INICIA VÔO DIÁRIO ENTRE CAMPINA GRANDE E JOÃO PESSOA

AZUL faz vôo diariamente entre JP e CG

AZUL faz vôo diário entre JP e CG

 Um voo diário entre Campina Grande e João Pessoa começa a ser operado nesta segunda-feira (20), de acordo com o comunicado da companhia aérea que vai oferecer o serviço. O voo vai sair de Campinas, em São Paulo, pousa em Campina Grande e decola para João Pessoa, pousando no Aeroporto Castro Pinto.

O voo será operado pela Azul. Segundo a empresa, com os novos voos, a capital paraibana ganha uma segunda opção de voo para Campinas, enquanto Campina Grande passará a ter a primeira linha direta com o principal ponto de conexão da companhia, na cidade Campinas. Já o superintendente do aeroporto João Suassuna, Roberto Germano, destacou que o novo voo contribui para o crescimento do aeroporto, que em agosto atingiu a marca de 119,9 mil embarques e desembarques.

Segundo a empresa, o novo voo sairá de Campinas, em São Paulo, às 9h33, chegando em Campina Grande às 11h35. Do Aeroporto João Suassuna, o voo parte às 12h05, chegando ao Castro Pinto às 12h45. Em seguida, parte para Campinas às 13h15, chegando às 17h42.

G1

DEBATE DA BAND

Sobre o debate na Band

Dilma Rousseff e Aécio Neves

Dilma jantou Aécio com palitinhos no debate da Band

 Por Renato Rovai

O debate da Band costuma ser o que decide a eleição. Em 2006, Geraldo Alckmin parecia ter ganho o debate de Lula. Este blogueiro foi contra a corrente e disse que achava o contrário. Em 2010, Dilma foi pra cima de Serra quando a sua vantagem diminuía em relação a ele e estava em 4%. A carta do Paulo Preto lhe foi tascada na testa. E Serra tremeu. Hoje, Dilma jantou Aécio. Aeroporto de Cláudio, agressão a mulheres, condenação por não investir o necessário na saúde, entre outras coisas, fizeram o tucano ficar completamente fora do prumo.

O que estava em jogo neste debate da Band não era a massa de eleitores, mas as suas militâncias e o percurso da campanha. Ou seja, se a linha estava correta para os 10 dias que se seguem. Dilma venceu fácil esse desafio.

Aécio fez um discurso do “pois bem telespectador” e do “o Brasil quer mudança”. Dilma foi pra cima na desconstrução da imagem do candidato e na demonstração de que ele não tem o que apresentar para implementar se sair vitorioso.

No primeiro bloco, Aécio empatou com Dilma. Na hora de falar sozinha, sem confronto, Dilma não é tão boa.

Mas Na hora do pau a pau, do confronto cara a cara, deu pena de Aécio. Parecia a disputa entre a mulher que viveu uma vida dura e sabia sair das dificuldades contra o mauricinho do Leblon. O garotão que se acha bom porque sabe mentir na hora certa.

Quando Dilma lhe perguntou sobre a Lei Maria da Penha, Dilma falava da reportagem que Juca Kfouri publicou. Você pode ler aqui. Na época, estupefato, este blogueiro não deu bola para a defesa que um colega de blogosfera fez de Aécio e foi entrevistar Juca. Porque outros amigos haviam lhe confirmado a mesma coisa, que de fato havia tido agressão na festa.

Quando Dilma lhe acusou de não cumprir o orçamento da saúde, Aécio tentou desmentir. Mas o processo continua em aberto. E o candidato do PSDB tentou tirar essa matéria de Fórum do ar via Google, mas não conseguiu.

Foi um massacre. Dilma jantou Aécio com palitinhos. Não precisou nem de garfo e nem de facas. E mais do que isso, lhe enfiou um excelente apelido Aécio Fabulação. No universo de Aécio, ele fez o melhor governo da história de Minas. Mas perdeu a eleição por lá. A máscara de Aécio caiu no debate da Band. E esse debate é o decisivo. Se Dilma abrir vantagem agora, o debate da Globo conta muito pouco e passa a não valer muita coisa.

Aécio foi completamente derrotado. Dilma fez o que precisava. E animou a militância de esquerda que é a que está ao seu lado na sua eleição.

Tensão e acusações marcam 1º debate entre Dilma e Aécio

Revista Forum.

O primeiro debate entre a presidenta Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT, e o senador Aécio Neves, postulante do PSDB ao cargo, foi marcado por tensões e muitas trocas de acusações. Em encontro realizado nesta terça-feira 14 pela Band, a petista buscou explorar o fato de ter vencido Aécio em Minas Gerais no primeiro turno, e de o PT ter conseguido eleger Fernando Pimentel como governador. Aécio, por sua vez, procurou dissociar o governo Dilma do altamente popular governo de Luiz Inácio Lula da Silva e também retratar a atual gestão como uma de fracasso. Durante todo o encontro, os candidatos se acusaram mutuamente de mentir e de agir de forma leviana.

No primeiro bloco, Aécio Neves tentou distanciar Dilma de Lula. Em duas oportunidades, o tucano elogiou o governo do petista e afirmou que, com Dilma, o Brasil “parou de melhorar”. Para completar a crítica, Aécio disse ter a impressão de que ele e a petista eram “dois candidatos de oposição”, pois Dilma, afirmou o tucano, não defendia seu próprio governo. Dilma, por sua vez, centrou as críticas na gestão de Aécio Neves como governador de Minas Gerais, uma tentativa de ampliar a vantagem de 415 mil votos obtida no estado, segundo maior colégio eleitoral do país, no primeiro turno. A petista acusou o governo Aécio de desviar para outros fins mais de 7 bilhões de reais da saúde, o que ele negou repetida e veementemente, e afirmou que o estado tem o terceiro pior serviço do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do Brasil.

No segundo bloco, Aécio focou suas críticas no que enxerga como descontrole da inflação e lembrou a frase de Márcio Holland, secretário de política econômica do Ministério da Fazenda, que recomendou à população trocar o consumo de carne por frango e ovo para evitar a inflação. Dilma, que na segunda-feira 13 classificou a frase de Holland como “extremamente infeliz”, afirmou que seu governo “manteve emprego, salário” e “continuou investindo”, ao contrário do que ocorreu no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), segundo ela. Aécio defendeu o legado do governo FHC e rechaçou a crítica de Dilma, segundo quem a inflação esteve fora de controle durante o mandato tucano. “A senhora quer enganar quem?”, questionou Aécio, ao lembrar que FHC assumiu o poder com uma inflação a 900% e entregou o índice em 12%. Aécio afirmou ainda que a inflação sob FHC chegou a 7%, mas voltou a subir após a eleição de Lula, em outubro de 2002. Para o tucano, o governo Dilma fez o Brasil regredir e está terminando “de forma melancólica”.

O debate mais tenso entre Dilma e Aécio se deu por conta de casos de corrupção. No segundo bloco, o tucano trouxe à tona o escândalo da Petrobras, que ressurgiu na semana passada com as informações dos depoimentos do doleiro Alberto Yousseff e do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. O tucano confrontou Dilma, que diz ter demitido Costa, com uma ata da Petrobras no qual consta a renúncia do ex-diretor.

Dilma rebateu as críticas com sua defesa já tradicional sobre o tema. Ela afirmou que o PSDB, no governo, “finge investigar e não investiga” e afirmou que sob os governos petistas as instituições responsáveis pelo combate à corrupção foram fortalecidas e ganharam independência. Na sequência, Dilma citou diversos escândalos da era FHC, como os do Sivam, da compra de votos para reeleição, da “pasta rosa”, do “mensalão” do PSDB em Minas e do cartel de trens no metrô em São Paulo e afirmou que todos os envolvidos “estavam soltos”.

Aécio, em seguida, rebateu questionando Dilma sobre quais eram os “bons serviços” prestados por Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras, termo que consta na ata de sua saída da Petrobras. Dilma, então, partiu para o ataque. Ela lembrou a construção, pelo governo de Minas, de um aeroporto em Claudio (MG), na propriedade de um parente de Aécio, e acusou o senador de nepotismo, ao empregar familiares em cargos públicos. “Essa obra de Claudio, que a senhora insiste em citar de forma leviana, foi feita em área desapropriada em desfavor de um tio-avô meu, numa região próspera. Esse senhor de mais de 90 anos de idade reivindica mais de 9 milhões de reais por esse terreno. Se a senhora tivesse mais intimidade com Minas Gerais saberia que todas essas obras, inclusive asfálticas, foram consideradas corretas pelo Ministério Público”, afirmou Aécio. Dilma rebateu: “O senhor está enganado. O MP não aceitou a denúncia criminal, mas recomendou a investigação por improbidade administrativa. Aécio rebateu acusando Dilma de fazer campanha com mentira atrás de mentira, e afirmou que o mandato da petista fez do governo “um mar de lama”.

No terceiro bloco, em que o debate foi centrado em questões de educação e segurança pública, Dilma voltou à carga sobre a gestão de Aécio em Minas Gerais. Ela lembrou que, segundo a Constituição, a segurança é tarefa dos estados, e afirmou que os números da violência aumentaram no estado. Ele rebateu. “Os crimes de homicídio no estado diminuíram 48%. Minas foi o estado que proporcionalmente mais investiu em segurança pública de toda a nação. O governo federal o que diz? Terceiriza responsabilidades”, afirmou. No embate sobre educação, Aécio acusou Dilma de não cumprir a promessa de construir seis mil creches, e ela rebateu afirmando que seu governo “faz esforço enorme para colocar crianças de 0 a 3 na escola”.

No quarto bloco, Aécio questionou Dilma sobre a “baixíssima qualidade dos serviços públicos” e disse ter introduzido a “meritocracia” em sua gestão. Ele ainda tentou rebater a estratégia petista de focar em Minas Gerais e lembrou que Dilma não fez sua carreira política no estado. Dilma rebateu, afirmando que Aécio teve uma condenação no STF por ter contratado funcionários públicos sem concurso, e fez questão de centrar o debate no eleitorado mineiro. “Nós temos de deixar claro para o eleitor que estamos falando de Minas Gerais por conta da sua gestão. E também que eu saí de Minas, mas não saí a passeio. Saí porque fui perseguida pela ditadura, que posteriormente me deteve por três anos”.

No último bloco, Aécio agradece os apoios de Beto Albuquerque (PSB), que foi candidato a vice de Marina Silva, e a Walter Feldman, um dos nomes fortes da Rede, o partido em construção de Marina, abrigado no PSB. O tucano enviou uma mensagem de agradecimento a Renata Campos, viúva de Eduardo Campos, e a Marina Silva. “Tenha certeza de que eu saberei a cada dia dos próximos quatro anos honrar cada compromisso que juntos assumimos”, afirmou Aécio à ex-senadora, que no domingo 12 anunciou seu apoio a ele. Dilma, por sua vez, disse ter “um compromisso verdadeiro com os trabalhadores, para garantir suas conquistas e seus ganhos”  e prometeu dar início ” um novo ciclo de crescimento para um País mais moderno, mais competitivo”.

G.D.NEWS

REVISTA FÓRUM

 

MORRE EX-MULHER DO GOVERNADOR RICARDO COUTINHO

Ex-mulher de Ricardo Coutinho morre no Rio. Nas redes sociais, emocionado com a notícia, o filho do governador Ricardo Coutinho prestou homenagem a mãe

Faleceu nesta sexta-feira (10), no Rio de Janeiro, decorrente de complicações respiratórias, Patrícia Ferreira Cerqueira Leite, mãe de Rico Coutinho, filho do governador Ricardo Coutinho. Ex-mulher de Ricardo Coutinho morre no Rio. Nas redes sociais, emocionado com a notícia, o filho do governador Ricardo Coutinho prestou homenagem a mãe
A informação foi confirmada pelo próprio primogênito do líder socialista, em contato com o jornalista Heron Cid. Rico embarcou nesta tarde do Aeroporto Castro Pinto, em Bayeux, para o Rio.
Nas redes sociais, emocionado com a notícia, o filho do governador Ricardo Coutinho prestou homenagem a mãe.
PBAGORA

EBOLA NO BRASIL

Exame de paciente com suspeita de ebola no Brasil dá negativo

Credito: Reuters
Paciente foi transferido para o Rio de Janeiro

O primeiro teste realizado no paciente com suspeita de ter ebola no Brasil teve resultado negativo, informou na manhã deste sábado o Ministério da Saúde.

Infográfico sobre ebola, V6 (Foto: Infográfico/G1)

Em nota, a pasta afirmou que a confirmação só deve ocorrer após a realização de um segundo teste, cuja resultado deve sair na segunda-feira.

“O estado de saúde dele é bom, não apresenta febre e está mantido em isolamento total no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, no Rio de Janeiro (RJ). Se o caso também for descartado como ebola no segundo exame, o paciente sairá do isolamento”, diz a nota.

A nova amostra de sangue será colhida neste domingo e analisada pelo Instituto Evandro Chagas, no Pará.

Se o resultado negativo se confirmar, as 64 pessoas que tiveram contato com o paciente e estavam sendo monitoradas deixarão de ser acompanhadas.

Leia mais: Entenda o que é o ebola e como a doença mortal se espalha

O caso suspeito de ebola foi notificado na quinta-feira, em uma unidade de saúde em Cascavel, no interior do Paraná.

O paciente, de 47 anos, saiu da Guiné, um dos países mais afetados pela epidemia de ebola na África Ocidental. Ele fez conexão no Marrocos e chegou ao Brasil no dia 19 de setembro.

O homem procurou a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) após sentir febre. Como vinha de um país afetado pelo surto, foi considerado um caso suspeito e isolado. Desde sexta-feira, no entanto, o ministério já havia anunciado que seu estado de saúde era bom e ele não apresentava febre.

Leia mais: Saiba como evitar o contágio por ebola

O paciente foi transferido para o Rio de Janeiro para acompanhamento.

A epidemia de ebola já matou mais de 4 mil pessoas. Os países mais afetados são Guiné, Libéria e Serra Leoa.

BBC BRASIL

IMAGEM LATERAL: G1

CONCURSO DA PREFEITURA DE CAMPINA GRANDE-PB

Prefeitura de Campina Grande publica edital de concurso público. Inscrições começam dia 22, às 10h.

Salários podem chegar a R$ 10.124,70.

 

 

 

 

 

Foi divulgado, nesta segunda-feira (15), o edital do concurso público com 250 vagas de níveis fundamental, médio e superior para a prefeitura de Campina Grande. As inscrições podem ser realizadas das 10h do próximo dia 22 às 23h59 do dia 10 de outubro. O edital já está disponível no site da Comissão Permanente de Concursos da Universidade Estadual da Paraíba (CPCON), organizadora do certame.

Clique aqui para ver o edital.

Conforme o edital, os salários vão de R$ 724,00 a R$ 3.778,81, a depender do cargo escolhido. Além disto, em alguns casos, há adicional de produtividade e o valor total percebido mensalmente pode chegar a R$ 10.124,70.

As provas devem acontecer em 23 de novembro. As taxas de inscrição deverão custar R$ 40 (nível fundamental), R$ 60 (nível médio) e R$ 80 (nível superior).

As oportunidades estão distribuídas para as áreas da educação, saúde, serviços urbanos, obras e finanças (fiscalização). Segundo a PMCG, a expectativa é de cerca de 20 mil pessoas inscritas para realizar a seleção. O esquema de segurança do concurso para a PMCG funcionará semelhante ao mantido nos vestibulares da UEPB, com a utilização de detectores de metais. No cartão resposta, será feita a assinatura digital e o exame grafotécnico dos candidatos.

O número de vagas foi estabelecido conforme as demandas do município e não haverá cadastro de reserva. O prefeito Romero Rodrigues anunciou também que um segundo concurso público será lançado no próximo ano, com vagas para engenheiro e arquiteto.

Do G1 PB

APÓS ACIDENTE TRÁGICO, SOLEDADE SE PREPARA PARA SE DESPEDIR DA JOVEM KELLE

Atividades de campanha eleitoral são canceladas em Soledade – a cidade está em luto.

 Avô e neta serão sepultados hoje a tarde no cemitério de Soledade 

Algumas atividades de campanha eleitoral estão sendo canceladas ou adiadas na cidade de Soledade desde a manhã do domingo (14), foi o caso da carreta de Cássio Cunha Lima ontem pela manhã, que foi cancelada ante o pronunciamento do próprio candidato a governador no Parque de Eventos da cidade.

Em respeito ao luto da família de “Cacá”, a carreata não seguiu pelas ruas da cidade de Soledade. No entanto, antes de deixar o Parque de Eventos e partir para São Vicente do Seridó, Cássio agradeceu a presença da população e pediu para que todos levassem a diante a mensagem de mudança que a Paraíba precisa.
Acompanhado pelo ex-prefeito Ivanildo Gouveia (PR) e de lideranças locais, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), candidato da Coligação A Vontade do Povo ao Governo do Estado, cancelou a carreata em Soledade e seguiu o circuito de visitas através de carreata neste domingo (14), a partir de São Vicente do Seridó. O roteiro total: 11 cidades do Curimataú paraibano.
Nesta segunda-feira (15) outros eventos de campanha eleitoral estão sendo cancelados ou adiados por conta deste ambiente de comoção e dor na cidade.
Morte da neta e falecimento de seu avô.
Na noite deste domingo (14), quando o corpo da jovem estudante Kelle Julianne Arcênio Bispo de Oliveira era velado no templo da igreja verbo da vida, chegava à notícia de que seu avô José Batista de Oliveira conhecido popularmente por “Zé Preto”, morador do bairro do Alto São José de Soledade, havia também falecido. Seu Zé Preto se encontrava internado no hospital da cidade, momento em que a família de Cacá (seu filho) que o acompanhava na madrugada do domingo, se deslocou para o sítio santa Luzia, quando ocorrera o acidente que vitimou a jovem Kelle.
A neta de seu José Batista de Oliveira (Zé Preto) e prima da vítima do acidente, Kelle Arcênio Bispo de Oliveira, a estudante Andreza Cristina postou na página de facebook a sua dor pela perda duplicada.
“Owun meu deus como isso pode acontecer meu deus.. os dois no dia so uma perda mt forte,uma dor grande.. q deus coloquem vcs em um bom lugar eu vou ta aqui na terra orando por vcs e jamais esquecer de vcs nunca… amarei vcs por toda vida meus amor vaooo com deussss, q seja feita a vontade dele..” ‪#‎kellyjullyane‬ ‪#‎vovozepreto‬..‪#‎oooneudeusbisdaforcaprasuperaressadorgrande‬
Neta e avô serão sepultados simultaneamente 
O sepultamento da estudante Kelle que ocorreria na manhã de hoje, foi adiado para às 16 horas desta segunda – feira (15) em razão da morte de seu avô “Zé Preto”. O velório está da estudante está ocorrendo no templo da Igreja Verbo da Vida, na BR 230, já o velório de seu Zé Preto, está sendo em sua residência no bairro do Alto São José, donde sairá para o sepultamento de ambos (Avô e Neta) no cemitério de Soledade.
SOLEDADE NOTÍCIAS

Leia mais…

ACIDENTE FATAL EM SOLEDADE-PB

Jovem morre em acidente na cidade de Soledade

Um acidente ocorrido na madrugada deste domingo (14) na cidade de Soledade, vitimou a jovem Kelle julianne Arcênio Bispo, de 18 anos. O acidente ocorreu na saída de Soledade para São Vicente do Seridó. O veículo era conduzido pelo pai da moça, o empreendedor rural conhecido popularmente por Cacá.

Segundo relato de parentes e amigos, Cacá estaria retornando do hospital de Soledade por volta das 4 horas da madugrada com a sua família que vinha do acompanhamento que faziam ao avô da vítima que se encontrava internado naquele hospital. Provavelmente o acidente tenha sido provocado por um cochilo do condutor do veículo; o carro saiu da pista na PB 177 e bateu na base de uma árvore que fica a margem da rodovia, vindo a capotar de imediato.
As informações da família, dão conta de que vinham no veículo, Cacá, a sua esposa, o seu neto de menos de 2 anos de idade e a filha Kelle que faleceu de imediato. Cacá sofreu escoriações no corpo e foi levado pela equipe do SAMU para o hospital de Trauma em Campina Grande e já se encontra fora do risco de morte; já a sua esposa  sofreu apenas pequenas escoriações.
Uma tragédia, um milagre
 
Enquanto a jovem mãe morria de imediato neste trágico acidente, o seu filho João Lucas de apenas 1 ano e 4 meses não sofreu qualquer ferimento no acidente. Segundo o relato da avó, o garoto milagrosamente caiu do carro durante a capotagem, e quando foi visto por ela, encontrava-se cheio de poeira pelo corpo, no entanto, estava sorrindo e sem apresentar qualquer arranhão em seu corpo.
O Corpo da vítima foi levado pelo Instituto de Medicina Legal (IML) à cidade Campina Grande, e no fechamento desta matéria, recebemos a informação do tio da vítima, Valmir Bispo, de que o corpo da jovem já chegou a cidade, e está sendo velado neste primeiro momento na casa de sua avó materna, na rua Trajano Pires da Nóbrega, próximo a casa do prefeito Zé Bento; em seguida, o velório será transferido para o templo da Igreja Verbo da Vida, na BR 230, donde sairá às 16 horas desta segunda -feira (15) para o sepultamento no cemitério de Soledade.
Soledade Notícias
Fotos: Santos Santos (PM) e redes sociais
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.256 outros seguidores